Empresas
economia-prateada-50-Mais

Economia prateada: Uma perspectiva do mercado para os 50+

A economia prateada é a terceira maior atividade econômica do mundo e movimenta US$ 7,1 tri por ano. Ela diz respeito a todas as atividades que englobam economia e pessoas acima de 50 anos, os produtos e serviços que consomem e/ou realizam.

Essa movimentação ocorre porque além do envelhecimento cada vez mais saudável, a população mais velha tem se mantido ativa no mercado. Uma pesquisa realizada pela Hype60+ e pelo Pipe.Social, mostrou que 86% dos brasileiros acima de 55 anos tem renda própria, e 49% deles ainda trabalha — outras fontes de renda são a aposentadoria (39%), os rendimentos de aluguéis (6%), as aplicações financeiras (3%) e os planos de previdência privada (2%).

E apesar da falta de espaço no mercado de trabalho relatada por 24% dos entrevistados antes da pandemia, os 50+ ainda são os principais responsáveis pela renda familiar. Já em 2020, 605 mil foram demitidos após o surgimento e agravamento do Coronavírus, principalmente pela faixa etária, pois constituem o principal grupo de risco.

  • Apesar da economia prateada ainda ser pouco conhecida, o SPC Brasil já realizou um raio-x da geração prateada brasileira para ajudar a entender quais as características dessa parcela da população quando o assunto é consumo:
  • 52% estão dispostos a pagar mais caro por causa da qualidade do produto/serviço;
  • 64% são os únicos responsáveis pela tomada de decisão na hora da compra;
  • 48% preferem consumir do que economizar;
  • 66% possuem uma vida financeira melhor atualmente;
  • 45% têm dificuldade em encontrar produtos específicos.

Como o mercado lida com a economia prateada?

O preconceito etário ainda é uma realidade, mas a tendência é que o perfil do consumidor e das marcas mude com o tempo. Isso porque, como já falamos muito por aqui, a população mais velha está cada vez mais ultrapassando outros grupos etários, consequentemente se tornando os maiores detentores de poder aquisitivo.

Outro ponto é que quanto mais velho, maior a busca por viagens, investimento e principalmente empreendedorismo. Aliás, apesar do jovem empreendedor ter sido o foco por muito tempo, a maior parte das startups tem sido criadas por seniores, ou com foco em atender suas necessidades.

Logo, o mercado ainda está em processo de aprendizagem quando o assunto é a economia prateada, mas existem duas faces, as pessoas que desejam empreender e que possuem uma grande abertura no meio para isso, e aqueles que buscam por empregos.
Evidentemente, as pessoas que compõem o segundo grupo são as que mais possuem dificuldade, mas com o aumento das empresas voltadas a esse público, essa realidade está no caminho da mudança. De acordo a Pipe. Social já existem 343 negócios voltados para atender o segmento da economia prateada.
E a 50Mais Courier Sênior está entre as empresas que contribuem com a economia prateada e gera oportunidade de emprego a terceira idade. Você pode saber mais sobre nossa participação na reportagem que participamos no Jornal Estadão. Confira!
Para mais artigos sobre o mundo 50+ e novidades, acompanhe nosso blog!

Author

50Mais Courier Sênior

A 50Mais Courier Sênior é uma startup logística especializada em entregas no last mile que utiliza alta tecnologia para promover mais agilidade, eficiência e segurança ao processo de deslocamento de encomendas, garantindo a satisfação dos clientes.

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *